Equipa

Alhures foi criado por Maria Manuela Restivo, a que se juntaram Daniel Maciel, Luciano Moreira e Vera Carmo.

DANIEL MACIEL é antropólogo, doutor em Antropologia pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e colaborador do CRIA – Centro em Rede de Investigação em Antropologia. Nos últimos anos, tem-se centrado na interseção entre ideias de cultura e práticas artísticas em contextos de privação institucional e encarceramento. Como colaborador da AO NORTE – Associação de Produção Audiovisual e Animação, colecionou e pesquisou fotografias de álbuns pessoais e familiares, além de participar ativamente em diversos festivais de cinema e outras iniciativas no âmbito da cultura audiovisual.

LUCIANO MOREIRA nasceu no Porto em 1982. Estudou na Universidade de Coimbra, onde se formou em Psicologia em 2005, e na Universidade do Porto, onde obteve o seu mestrado em Psicologia em 2012. Atualmente é doutorando em Media Digitais na Universidade do Porto (UT Austin | Portugal), com bolsa de estudos da FCT. Leciona na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, no Mestrado em Multimédia. As suas áreas de interesse incluem representações sociais, ecologias tecnológicas e digitais, comunicação científica e métodos de pesquisa científica.

MARIA MANUELA RESTIVO é estudante de doutoramento na Universidade do Porto no domínio dos estudos do património, com uma bolsa de estudos da FCT. Estudou Antropologia na Universidade de Coimbra e Museologia na Universidade do Porto. Trabalhou como estagiária no Museu da Quinta de Santiago (Matosinhos) e no Palácio Nacional da Pena (Sintra). Entre 2016 e 2018 foi colaboradora da galeria Cruzes Canhoto. Pesquisou e realizou a curadoria de projetos e exposições voltados principalmente para as artes tradicionais e vernaculares, focando-se nas suas manifestações no mundo contemporâneo.

VERA CARMO formou-se em Belas Artes / Escultura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP) em 2003, tendo concluído o seu mestrado em Estudos Artísticos – Estudos Museológicos e Curatoriais pela mesma instituição em 2013. Actualmente é candidata ao doutoramento em Arte Contemporânea na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (UC), onde desenvolve a tese “Reenactment em Arte Contemporânea” sob a orientação de Delfim Sardo. É professora na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP) e no Instituto Universitário da Maia (ISMAI). De 2008 a 2010, foi produtora executiva do Maumaus – Visual Contamination Center. Desde 2010, desenvolve projetos independentes de curadoria e, desde 2017, assume a direção artística do Espaço Campanhã. (Https://veracarmo.wordpress.com/).